Biblioteca Virtual

O PRINCÍPIO DO CONTRADITÓRIO E O INQUÉRITO POLICIAL

Show simple item record

dc.coverage.spatial Brasil
dc.date.accessioned 2016-01-07T15:28:16Z
dc.date.available 2016-01-07T15:28:16Z
dc.identifier.uri http://desa1.cejamericas.org:8080/handle/2015/2921
dc.description.abstract O objetivo do presente trabalho tem como exame a incidência do princípio do contraditório no inquérito policial, refletindo sobre a obrigatoriedade e a utilidade de se fazer informar o procedimento investigatório por tal princípio, que obrigaria à audiência do investigado no curso das investigações, a partir do momento em que contra o mesmo fosse reunido o princípio de prova suficiente ao seu indiciamento. Questiona-se, no entanto, a utilidade da observância de tal princípio nesta etapa, ao passo em que sabe-se que os elementos de convicção colhidos por ocasião do inquérito esgotam-se com o oferecimento da denúncia. A divergência da questão é saber se há acusação no inquérito policial ou se, durante ele o que se tem é somente uma atividade de colheita de subsídios para a propositura da ação penal, para o que basta um juízo de fumaça de bom direito, a exonerar o Estado, ante a ausência de acusação até então, de observar o princípio do contraditório neste momento. Autores: Margarida Maria Nunes de Abreu Gomes, Bernardo Barrozo Ribeiro, Ivna Mauro Cruz
dc.language.iso Portugues
dc.title O PRINCÍPIO DO CONTRADITÓRIO E O INQUÉRITO POLICIAL


Files in this item

Thumbnail Files: MargaridaMaria.pdf
Size: 60.00Kb
Format: PDF

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record